O ELEMENTO CHAVE na Criação de um PERSONAGEM! | NITROLEITURAS 46 #dicasparaescritores #video

Tema do NITRODICAS – Dicas para Escritores Iniciantes de hoje:

O ELEMENTO CHAVE na Criação de um PERSONAGEM! | NITROLEITURAS 46 #dicasparaescritores

ND#046 _ O ELEMENTO CHAVE na CRIAÇÃO de um PERSONAGEM!

DOWNLOAD do PDF com o Script do Nitrodicas de hoje!

Link: https://goo.gl/Po8ooZ

ND#046 _ O ELEMENTO CHAVE na CRIAÇÃO de um PERSONAGEM! (PDF)

POST do NITRODICAS de hoje no NITROBLOG!

Link: https://wp.me/p3oZGE-1Bt

Um abraço do Newton Nitro!


O ELEMENTO CHAVE na Criação de um PERSONAGEM! | NITROLEITURAS 46 #dicasparaescritores

INTRODUÇÃO
As grandes histórias são frutos de seus personagens. E personagens bem construídos geram histórias interessantes.

Como tudo na arte da escrita, a melhor forma de aprender como criar, caracterizar e desenvolver personagens é através da leitura de bons livros. E quanto mais leitura melhor!

O ELEMENTO CHAVE DE PERSONAGENS INTERESSANTES

Pegue todos os personagens inesquecíveis que você conhece. Eles possuem algo em comum?

Na minha experiência, o elemento chave de personagens interessantes, que saltam aos olhos do leitor, é a HABILIDADE DE SE IMPORTAR SOBRE ALGUMA COISA.

É o desejo por alguma coisa. É o que esse personagem sente, IMPLICITAMENTE ou EXPLICITAMENTE que alguma coisa é importante para sua vida.

Esse algo pode ser qualquer coisa, pode ser grande ou pequeno, épico ou trivial. Pode ser DINHEIRO, ou FAMÍLIA, ou PAZ NO MUNDO, ou ECOLOGIA, ou o AMOR de Certa Pessoa, não importa.

O que importa é que o seu PERSONAGEM quer esse ALGO.

E não é necessário que o personagem tenha consciência ou não desse desejo, dessa coisa importante. O que importa é que essa emoção exista em seu interior, e que o MOVA a fazer algo para conquistar o que deseja.

A criação de um personagem pode ser feita de diversas formas. Porém, um dos ELEMENTOS CRUCIAIS é o que esse personagem MAIS DESEJA, sua CAPACIDADE de sentir que ALGUMA COISA é muito importante para sua vida, ou para o momento em que está vivendo.

Mas como fazer com que um personagem SINTA que algo é importante para sua vida?

Uma das maneiras mais simples é dar ao personagem algo pelo qual ele se importará, que ele desejará.

Por exemplo:

Um garoto com um defeito de nascença em suas pernas que o impede de jogar futebol. Ele sonha em um dia poder jogar, o que o faz completamente obsecado pelo esporte, e com sua coleção de vídeos, camisas, troféis, etc. do seu time favorito, que se torna a coisa mais importante de sua vida.

Uma jovem que sofre tanto por nunca ter tido um pai, e que, de tão carente, irá vender a própria alma para ter a atenção amorosa de um homem muito mais velho.

Lembrando, esse é apenas um ponto de partida. Muitas camadas ainda virão para moldar o seu personagem, mas, começando a partir do ELEMENTO CHAVE do QUE REALMENTE IMPORTA PARA o seu personagem, ele servirá como uma luz guia para os passos posteriores.

Quando determinamos um elemento de interesse para ser o elemento chave da alma de um personagem, nós começamos a determinar como ele se comportará, implicitamente ou expicitamente, concientemente ou inconcientemente, na narrativa.

E como ele se transformará, o que é o mais importante na narrativa contemporânea!

Essa essência do personagem agindo na narrativa é o que se chama de DIN MICA DOMINANTE DO PERSONAGEM. E sabendo dessa dinâmica, escrevemos com mais confiança e segurança.

Por exemplo, no meu romance Marca da Caveira, levei um bom tempo descobrindo a minha protagonista Aesha, fazendo entrevistas, escrevendo diversas narrativas curtas de seu passado, criando cenas onde ela interage com outros personagens, até descobrir o elemento chave dela, que é o medo de não ser forte o suficiente para proteger quem ela ama.

As vezes o personagem já vem pronto. Outras vezes temos que descobrir aos poucos.

É comum escrever uma narrativa e descobrir o elemento chave do personagem bem depois, o que nos faz voltar e reescrever todas as cenas anteriores.

Mas a diferença é enorme, quando descobrimos a essência de nosso protagonista.

Quando nós determinamos o que é MAIS IMPORTANTE para um Personagem, em seguida, RACIONALIZAMOS o porquê o personagem dá importância à esse elemento.

Racionalizar é inventar as causas, as razões do interesse do Personagem por alguma coisa específica.

Quando chega a hora de escrever uma história, você mergulha o Personagem dentro de uma situação que desafia ou confronta o que o Personagem considera ser o mais importante para sua vida. Você pode ameaçar essa coisa importante, tirar essa coisa importante do Personagem, etc.

As ações e reações do Protagonista em relação às ameaças ao que ele considera ser o mais importante geram a sua narrativa.

Qualquer coisa pode se fazer passar como esse elemento chave de um personagem, dependendo da narrativa.

O desejo de viver é o elemento chave da alma um protagonista atacado por um psicopata armado com um machado.

Uma celebridade que tem como elemento chave seu desejo de ser famoso, se motivará quando for alvo de uma campanha difamatória.

Para uma criança miserável, o desejo de comer a motiva a enfrentar a brutalidade das rua para conseguir um prato de comida.

ENCONTRANDO O PERSONAGEM CERTO PARA A SUA HISTÓRIA

Se temos um problema de encanamento,hidráulico para consertar.

O mesmo deveria acontecer com suas histórias.

Que tipo de história você irá escrever?

Busque, em suas fantasias, fazendo brainstorms, o personagem que encaixaria na sua história. Que seja o ideal para cumprir sua função em sua história.

E como sabemos que encontramos o personagem certo para a nossa história.

Um dos elementos que funciona para mim é minha empolgação! É bem subjetivo, mas, no meu caso, eu sempre começo com uma vaga idéia do tipo de história que quero escrever e depois imagino o seu protagonisa.

Quando o protagonista começa a me empolgar, a me fazer querer conhecê-lo mais, beleza! Esse é o sinal de que uma pessoa fictícia está vindo a luz!

As vezes é bem difícil. Nesse caso, pense nas diversas possibilidades de personagens para a sua história.

Pense como seria a história com outros protagonistas. Mude o gênero, a etinia, o background histórico e cultural. Pense a narrativa com uma pessoa de fé e a mesma narrativa com um ateu.

Nessa fase, eu atuo como um diretor de cinema fazendo uma seleção de elenco. Faço testes com diversos personagens até encontrar os que sejam mais interessantes, mais originais, e que me empolgam mais.

Escrever é bem difícil e solitário, e ficar preso em uma história cujos personagens são entediantes é terrível! E se você, o autor, não acha que seus personagens são interessantes, se você não se empolga com eles, o leitor não empolgará.

FASCINAÇÃO é o termo. Minha protagonista Aesha, sua irmã Sanadira, a Rainha Ongara, do meu livro Marca da Caveira, me fascinam e ME SURPREENDEM muito quando estou escrevendo.

Essa fascinação do autor pelo seu personagem é parte do segredo do Tio Martin e seu Game of Thrones. Dá para sentir nas páginas que o Tio Martin AMA de paixão seus personagens. E que personagens! Tyrion, Cersei, John Snow, Aria. Até mesmo quando ele mata seus personagens, ele demonstra carinho!

Encontrar um personagem é personificar, ou seja, dar forma humana, para aspectos de NOSSA PRÓPRIA PSICOLOGIA que gostamos ou detestamos, ou aspectos que queríamos ter.

Porque na RAIZ de toda a escrita está o escritor.

Em outras palavras, TODOS OS SEUS PERSONAGENS são pedaços da alma do escritor.

O processo não é consciente, mas todo escritor SABE O QUE GOSTA. E quando encontramos um personagem para a nossa história, a sensação é de uma empolgação, pelo menos comigo.

Essa empolgação tem que existir pois é ela que irá te motivar a escrever e reescrever a história até que ela fique boa o suficiente para ser publicada. Ou que se aproxime ao máximo do que temos na cabeça.

Só que nunca é igual, fiquem avisados!

O segredo de personagens como TARZAN, D’ARTAGNAN, DOM QUIXOTE, JAMES BOND, HAMLET, JULET, QUASIMODO, DIADORIN, RIOBALDO, BRÁS CUBAS, e tantos outros é porque eles FASCINARAM seus escritores, e por consequência FASCINARAM os leitores!

E é isso aí por hoje!

ENCERRAMENTO

E esse foi mais um NITRODICAS!

Convido a todos a visitarem o NITROBLOG, meu blog de resenhas literárias, dicas para escritores, e onde disponibilizo meus contos e livros para download gratuito.

Também trabalho com LEITURA CRÍTICA para ESCRITORES, onde analiso manuscritos e coloco minhas observações, impressões e sugestões para reescritas e edições.

Basta entrar em contato, preços acessíveis.

Também dou AULAS DE INGLÊS POR SKYPE, aulas particulares, focadas em conversação para todos os níveis!

E conheça o MELHORE SEU INGLÊS meu canal do Youtube com DICAS DIÁRIAS DE INGLÊS. Temos também o MELHORE SEU INGLÊS PODCAST e o MELHORE SEU INGLÊS no INSTAGRAM!

Um grande abraço do NEWTON NITRO e aguardem MARCA DA CAVEIRA, o primeiro volume da trilogia Legião, uma saga de fantasia medieval sombria e adulta, feita para o cenário de RPG LEGIÃO – A ERA DA DESOLAÇÃO da EDITORA REDBOX. LEGIÃO: A ERA DA DESOLAÇÃO, que também conta com os meus escritos, é o cenário oficial do jogo de RPG Old Dragon e deverá sair em breve!

E vamos ESCREVER, PORQUE ESCREVER É DOIDIMAIS!

Escrito por NEWTON NITRO em 04 de Novembro de 2017.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.